Páginas

domingo, 21 de agosto de 2011

Anambé-branco-de-bochecha-parda

Tityra inquisitor


Ave passeriforme da família Tityridae, o anambé-branco-de-bochecha-parda(Tityra inquisitor) é conhecido também como: anambé-branco, anambezinho, araponguinha, araponguinha-de-cara-preta, araponguira, canjica, canjiga e urubuzinho. O período reprodutivo é de julho a dezembro. Este pássaro nidifica nos ocos das árvores, entre 12 e 30 metros do chão. Geralmente nascem dois filhotes por vez, que são alimentados pelos pais à entrada do ninho. Varia de incomum a localmente comum na copa e nas bordas de florestas úmidas ou secas, e em capoeiras e clareiras com grandes árvores. É visto normalmente aos pares e à boa altura na vegetação, pousado em galhos bem expostos. Às vezes reúne-se em grupos nas árvores com frutos, os quais constituem seu alimento principal.
Presente localmente em todo o Brasil. Encontrado também do México ao Panamá e em quase toda a América do Sul, com exceção do Chile e Uruguai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário